Sobre Stanford

Gay, lindo e ahazante. Além, é claro, de seu personal friend, disponível para te fazer rir ou pra ceder o ombro amigo!

Pause

Quereeeedos de my life!

O Blog do Stanford, esse adorável lugar amado por vocês, aloka, vai dar uma pequena pausa em suas atualizações. Calma, calma, sem empurra, empurra. É apenas um break para resolver alguns detalhes técnicos e logo, logo eu volto com tudo.

Lindo, moreno e ahazante!

Mil beijos,

Stanford

Colírios: Atores de Fina Estampa

Fina Estampa está em sua reta final, já estamos vendo os comerciais de Avenida Brasil, a nova novela das 21h no ar e, mais do que o sucesso da novela, algo é inegável: quanto ator bom (em vários sentidos) no elenco, né? É batata: ver a novela e aquele tanto de homem maravilhoso sem camisa pra temperatura subir. Aloka!

Assim, pra brindar o sucesso da novela de Aguinaldo Silva e cia ilimitada, o Colírios dessa semana é dedicado a eles: os gatos de Fina Estampa. Vamos conferir os meus eleitos?

Caio Castro, o Antenor da novela, um exemplo perfeito de ator-delicinha sensação.

Dudu Azevedo e seu Wallace Mu fizeram todo mundo se interessar mais por MMA, né? Hihihi

Malvino Salvador, o intérprete do todo bom Quinzé. Dá pra entender porque a mulherada da novela baba por ele, né?

O tudibom Carlos Casagrande e seu Juan conquistaram a chatinha da personagem de Tania Kalill e nos fez suspirar com tanta beleza.

Carlos Machado aterroriza com seu vilãozinho Ferdinand. Sabiam que na vida real o ator também é dentista? Fico de boca aberta. Aloka!

Rafael Zulu é o gerente mais tentação das agências de moto com seu Edvaldo, não acham?

Paulo Rocha e seu sotaque português faz de seu Guaracy um personagem adorável, gostoso, tudibom que eu queria pra mim. Ahaza!

Prontinho, pode parar de se abanar, porque a-ca-bou! Aloka! Confessa pra mim: fiz uma seleção muito boa, né? Eu sei, eu sei, #SouDesses, hihihi

Mil beijos,

Stanford

O Casamento e a Diminuição da Frequência Sexual

Stanford,

Sou casada já vão fazer 4 anos; no começo do casamento a gente fazia amor todos os dias, até mesmo 2 ou 3 vezes ao dia… Mas agora a gente faz amor de 15 em 15 dias e olhe lá, às vezes a gente fica 1 mês sem nada.

Eu tenho muito fogo e por mim todos os dias a gente faria amor. Ele sempre diz que está cansado e tals. Eu já tentei de tudo, já tentei fazer coisas diferentes; a única vez que ele me levou no motel foi na nossa noite de núpcias, depois disso nunca mais. Ele nunca me deu flores, nunca mais me deu mimos ou chocolates, etc…

Enfim, será que ele tem uma amante? O que e faço para melhorar o desempenho dele e para melhorar o nosso casamento??

Obrigada desde já,

Casada na Seca

Ain, darlings, sério, deu dó, viu! Afinal, esse assunto é tão… comum! Aliás, cara Casada na Seca, bem mais comum do que se imagina. Aliás, eu até brinco com alguns amigos: quer deixar de fazer sexo? Case! Aloka!

Toda relação (e afirmo, TODA RELAÇÃO) passa por oscilações no que diz respeito ao desejo sexual. No início, com todo aquele fogo, é natural que o casal sinta um tesão tremendo, transe a todo momento, invente mil posições, conheça os lugares mais excêntricos e diversos da casa e da vizinhança. Aloka! Com o passar do tempo, porém, com a convivência, rotina e a comodidade que toma conta das relações, é normal que o sexo rareie. O que não pode acontecer é deixar que a chama, que um dia já foi fogueira, vire uma cinza quase fria. Olha eu, gente, todo trabalhado na metáfora!

No seu caso específico, parece que o problema está no seu marido e na rotina dele. Trabalho, obrigações, cansaço, tudo leva a crer que isso o desanime a dar no coro. Ui! Mas, um relacionamento é feito de duas partes e você deve fazê-lo entender isso. Por isso, o conselho de sempre, quase um clichê meu: jogue limpo, fale!

Conte das suas necessidades, do seu tesão. Sugira inovações. Surpreenda-o! E, se mesmo assim, as coisas continuarem mornas pro seu lado, seja direta: ou ele faz a parte dele ou você não se responsabiliza pelas formas que pode encontrar para aplacar seu fogo. Tratamento de choque, meu amor! Ou o homem dá no coro ou então que não a culpe depois. Porque sim, acho que é inevitável uma traição quando um dos lados tem desejo latente e o outro tem preguiça constante.

Por que não tentar resolver as coisas já hoje à noite? Prepare um jantar à dois. Uma massa leve, um vinho tinto, luz de velas. Se arrume, se perfume, se insinue. E, durante o jantar, provoque. E exponha seus desejos e fantasias. Porque o meu desejo para você, Casada na Seca, é uma noite inesquecível e longa, com muito trabalho para o maridão (ou não).

Um beijo e boa sorte ao tentar acendar a chama quase adormecida. Porque essa seca tem de chegar ao fim e tá na hora de regarmos a terra, com muita chuva e prosperidade. Aloka!

Stanford

TOP Cidades Para se Conhecer Antes de Morrer

Então que eu sou todo trabalhado nas viagens nacionais e internacionais, darlings. #SouDesses e adoro poder ser assim. Sinceramente, acho que o que levamos dessa vida são as nossas experiências e o que aprendemos. E quer forma melhor de aprender do que conhecendo culturas e pessoas de diferentes partes do mundo?

Nessas minhas andanças por aí, já conheci algumas partes desse mundão de meu Deus e resolvi elencar cinco cidades que eu julgo imperdíveis, daquelas que você pode botar numa lista de “5 Cidades Para Conhecer Antes de Morrer”. Aloka!

‘Bora viajar então? Apertem os cintos e ahazem!

Buenos Aires

A capital de nossos hermanos argentinos é quase quintal de casa para os brasileiros, sweets! Andando pela Florida, por exemplo, uma grande rua do centro de Buenos Aires, se bobear você ouve mais português do que espanhol. Aloka!

Contando com paisagens belíssimas, Buenos Aires se orgulha de ser “a mais europeia das capitais americanas”. Ahaza! E os pontos turísticos são tantos e tão belos, contando com lugares como Puerto Madero, Caminito, Palermo e a Feira de San Telmo.

Aproveitem que é pertinho e barato em conta, darlings. Para quem nunca viajou para fora do Brasil, começar por Buenos Aires é digno e lusho!

Nova York

Da capital portenha, para aquela que é considerada a capital do mundo. Como não suspirar apenas ao pensar em Nova York e em toda sua grandeza e mistura de sotaques e culturas?

Capital das tendências e novidades, tudo parece acontecer primeiro em Nova York para depois se espalhar pelo resto do mundo. Fora que a possibilidade de passear por todos os lugares que você viu inúmeras vezes pela televisão e no cinema é incrível!

Central Park, 5th Avenue, Broadway, passando pelo Marco Zero e se encantando com a Estátua da Liberdade. Fora todo o entorno de Manhattan e afins. Só de falar me dá vontade de pegar um avião e ir correndo pra lá. Aloka!

Paris

Paris, Paris, ah, Paris! A Cidade Luz, terra dos amantes e dos amores, capital da França e, durante muito tempo, referência de moda e tendências. Paris, Paris, Paris! Nunca me canso de repetir seu nome! Ahaza!

É impossível conhecer Paris e não se embasbacar com a beleza inerente à cidade. A Torre Eiffel é daqueles monumentos que te fazem perder o fôlego diante de sua magnitude e a Champs-Élysées a avenida mais charmosa de todo o mundo, com suas mil lojas, das melhores marcas existentes. Como não gostar e gastar?

Além disso, conhecer  o Louvre, a catedral de Notre Dame, as margens do Sena, a praça da Bastilha, o Moulin Rouge, e o castelo de Versailles nas proximidades é imperdível.

Roma

Provavelmente a cidade que mais me surpreendeu quando conheci, Roma é IM-PER-DÍ-VEL, melbem! Misturando o antigo com o moderno, Roma é uma cidade efervescente e pulsante, que atrai nossos olhares para todos os cantos e monumentos.

O Coliseu, o Foro Romano, a Fontana di Trevi, a escadaria Espanhola, as Termas de Caracala, o Vaticano, tudo merece ser conhecido e visitado. Aliás, caminhar por Roma é uma delícia, já que a todo momento somos surpreendidos por algo “novo” a ser descoberto.

E a comida, people??? Nunca comi tão bem em minha vida, provando as melhores pastas e pizzas do mundo TO-DI-NHO. Nham nham!!! Fora o plus que a cidade oferece: os italianos, homens e mulheres, são lindos. #FicaDica

Rio de Janeiro

Impossível deixar a MINHA cidade de fora dessa lista, darlings! Porque sou carioca e porque amo cada cantinho desse paraíso chamado Rio de Janeiro. E agora, com Copa do Mundo, Olimpíadas e mil eventos para acontecer, os olhos do mundo todo se voltam para o Rio. Ahaza!

Com praias deslumbrantes e cercada de verde por todos os lados, o Rio alia as belezas naturais com a modernidade numa mistura única. Passear pelo centro histórico é como voltar ao passado, ao mesmo tempo em que se vê cercado de pessoas no turbilhão da vida moderna.

E os lugares para se conhecer? O Maracanã, o Pão de Açúcar, o Cristo Redentor, o Jardim Botânico, as praias de Copacabana e Ipanema. Ufa, e isso é só um tantinho de nada do que a cidade oferece! Fora o próprio carioca, sempre simpático por natureza, embalado pelo ritmo do samba e do carnaval.

Conhecer o Rio é se encantar por um way of life todo próprio e diferente. E saber que a cidade está sempre de braços abertos para receber a todos de volta.

Só de lembrar eu fiquei saudoso de tantos lugares! E como sou todo trabalhado nas viagens, esse TOP TOP pode ter uma continuação, que tal? Vou amadurecer a ideia.

Mas pergunto: concorda comigo, conhece algum desses lugares, indicaria outros? Boca no trombone, dedo nos teclados e a caixa de comentários é toda sua. Me conta!!!!

Beijos,

Stanford

Futilidades de Sexta [9]

O Dia Internacional da Mulher foi ontem e eu só pergunto: aproveitaram, sweet hearts? Porque sim, sabemos que as mulheres (e homens e gays) merecem o respeito todos os dias, mas acho digno um dia para lembrar a luta de um sexo que por tanto tempo foi considerado frágil. A data é simbólica e emblemática.

Mas a semana vai chegando ao fim e GARANTO que vocês ficam aí se coçando para saber quem figurará aqui no #FutilidadeFeelings, não é? Pode confessar, gente, eu sei que atraio a atenção. Aloka!

Acho que vou parar com esse texto todo e partir direto pros baphos da semana. Vamos que vamos. Ahaza!

  • Rafa, do BBB12

Uau, esse foi rápido! Eliminado com 92% de rejeição no BBB12, o brother Rafa perdeu a sua carteira de habilitação na última segunda, 05/03, ao ser parado na avenida Borges de Medeiros, na Lagoa (na zona sul do Rio), e se recusar a fazer o teste do bafômetro. Por causa disso, a CNH foi apreendida. Ahazou!

Falta gravíssima pelo Código de Trânsito, o ex-brother deverá desembolsar R$ 957,70 de multa, além de perder sete pontos na carteira. Rafa só teve seu carro liberado depois que outro condutor habilitado se apresentou para dirigir o carro.

Sinceramente? Bem feito! Afinal, se beber, não dirija. E isso vale para todos! Ahaza!

  • Tiririca

Depois de eleito deputado federal pelo PR-SP (paulistas e paulistanos, como vocês fizeram isso, darlings???), Tiririca quer MAIS!!! O cantor-comediante-político-whatever está empolgado com a possibilidade de se candidatar a prefeito de São Paulo. Quer dizer…

Campeão nacional de votos, Tiririca vai encomendar uma pesquisa de intenção de votos e declarou:

“Estou empolgado, e quando empolgo, embalo.”

O pior? Se bobear, se candidata e ainda ganha as eleições. #Tenso

  • Mistério

Notinha publicada pelo jornalista Léo Dias:

“Um jogador do Vasco foi visto entrando no motel Dunas, na Barra, na última sexta-feira, acompanhado de um travesti. A trava, amiga da coluna, contou que o craque joga bem em todas as posições.:

E a gente se morre de curiosidade enquanto diz: “Mistééééério!”

  • Adriana Bombom

Eu até tento não julgar, mas como se consegue? Na fotinha acima temos a bailarina (e ex-mulher do Dudu Nobre) Adriana Bombom e um pseudo-namorado na praia numa posição infeliz de ser fotografada. E seria apenas isso, se o jornal Extra não tivesse dado a seguinte nota sobre o assunto:

Porque o cidadão é casado, vai à praia com uma subcelebridade, é fotografado numa posição comprometedora e então ameaça o fotógrafo. E depois aloka sou eu. Ahaza!

  • Valdirene Marchiori

“Não existe mulher feia, existe mulher pobre!” Essa poderia ser uma frase de Val Marchiori, do programa Mulheres Ricas e, pelo que vemos acima e mais abaixo, pode se referir a própria. Aloka!

Divulgadas na última quinta, 08/03, as fotos mostram Val Marchiori, destaque de uma revista paranaense chamada Nova Fase. Na época (o ano era 1990), com um visual BEEEEEM diferente do atual, Val tinha os cabelos todos trabalhados pro lado selvagem e ainda era conhecida como Valdirene.

Até mesmo Val comentou as fotos em seu Twitter:

Chocante, não?

Então é isso, babies! Ficamos por aqui.  Pra vocês, um lindo fim de semana, cheio de baphos maravilhosos e acontecimentos marcantes. Porque vocês já sabem, né? Segunda-feira estamos por aqui novamente!

Beijos mil,

Stanford

O Ecad e a Palhaçada de Cobrar de Blogueiros Por Vídeos Postados do Youtube

Ai, gente, que preguiça, viu! Das grandes! É cada babaquice que surge por aí que não me sobra mais nada a não ser me revoltar. E, claro, dividir a revolta com vocês. #SouDesses

O Ecad (Escritório Central de Arrecadação e Distribuição) deveria ser, a princípio, uma entidade capaz de assegurar que alguns direitos fossem repassados a quem é devido. Por exemplo, um cantor que tem sua música executada em diversos meios e, por isso, deve ser reembolsado, o que é lusho e glamour. Entretanto, não é de hoje que a entidade decepciona e se envolve em questões idiotas e surreais como a mais nova polêmica envolvendo o blog Caligraffiti.

Formado por sete colaboradores, o Caligraffiti é um blog sobre design, arte, tecnologia e cultura em geral. Dentro de um nicho específico, o blog recebe aproximadamente 1.500 acessos diários, mas não rende lucro para os colaboradores, assim como a maioria dos blogs da internet.

A surpresa aconteceu quando os responsáveis pelo Caligraffiti receberam um email do Ecad avisando que teriam de pagar o valor de R$ 352,59 mensais, relativo aos direitos autorais dos vídeos do Youtube e Vimeo que foram postados no blog. Que babaquice, darlings, que babaquice! E a resposta do Ecad quando se questionou a cobrança foi a seguinte:

“Esclarecemos que, toda pessoa física ou jurídica que utiliza músicas publicamente, inclusive através de sites na Internet, deve efetuar o recolhimento dos direitos autorais de execução pública junto ao ECAD, conforme a Lei Federal 9.610/98.”

Por orientação de advogados, o Caligraffiti chegou a ser retirado do ar por um tempo, enquanto tentava-se entender o disparate. Mas na última sexta-feira, Uno Oliveira, um dos responsáveis, colocou a boca do trambone num post intitulado Por Uma Internet Livre!, que reproduzo, em partes, a seguir:

“(…) Então o ECAD além de ganhar do Google e Facebook agora está começando a taxar todos os sites que têm algum tipo de sonorização, mesmo sendo um compartilhamento. E o valor não é barato! (…)

E pasmem, a nossa legislação atual compactua e protege o ECAD a fazer esse tipo de cobrança. Não temos saída, a não ser colocar a boca no mundo e cobrar leis mais flexíveis quando o assunto é internet.

Conversamos com muita gente, blogueiros, advogados especializados e formadores de opinião, todos concordam que esse tipo de atitude inibiria a blogosfera brasileira, que utiliza muito material compartilhado de grandes canais de vídeo online. Por opiniões unânimes decidimos recolocar o site no ar e encarar a briga, caso realmente eles queiram isso.”

Aos meninos do Caligraffiti a minha solidariedade. Acho um A-BU-SO esse tipo de cobrança, principalmente porque é ridículo o que está sendo feito, já que o Ecad está cobrando em dobro (mesmo dizendo que não) e lucrando em cima disso. Afinal, o Youtube já paga os direitos ao Ecad, por que motivo cobrar NOVAMENTE por algo que já foi pago? Eu, heim! Aloka agora não sou eu! #MuitoFranco

A legislação brasileira ainda tem muito que se definir sobre o uso da internet no país. Enquanto isso, as “entidades” que deveriam servir aos cidadãos buscam brechas nas leis existentes para lucrar em cima dos mesmos. É uma vergonha, isso sim!

Mas não podemos nos calar e sim, nos juntar aos meninos do Caligraffiti e prostestar. Eu faço a minha parte, e você?

Colírios: Brothers do BBB

Que o Big Brother Brasil é um celeiro de homens bonitos, isso não há dúvidas. É tanto homem bom confinado ali que é uma loucura, loucura, loucura. Aloka! Tanto é que a nossa coluna Colírios estreou logo com o Jonas, o bonitão da atual edição.

Hoje, a Colírios se debruça sobre alguns dos homens mais bonitos da história do programa, na humilde opinião desse amigo gay que vos escreve. Ahaza! Assim, como o Bial sempre diz, vamos embarcar nessa nave louca do BBB, voltando até mesmo no tempo para dar uma espiadinha daquelas. Ui!

Fernando Fernandes (BBB2)

Um dos homens mais bonitos da história do BBB entrou na casa logo na segunda edição do programa. O brother Fernando Fernandes conquistou com sua beleza e, claro, não poderia ficar de fora dessa lista.

Sem contar que Fernando é também um exemplo de superação: em 2009, o ex-brother sofreu um acidente de carro que o deixou paraplégico. Mesmo sem andar, o jovem deu a volta por cima e mantém o sorriso no rosto. Clapi Clapi Clapi pra ele!

Alan (BBB5)

No BBB5, que contou a vitória de Jean Wyllys, foi Alan quem cativou o coração da bela Grazi Massafera e viveu o romance que conquistou a audiência na edição do programa.

Entretanto, mesmo engatando um namoro com Grazi fora da casa, Alan acabou desaparecendo da mídia e a bela ex-BBB mais bem sucedida da história se casou com Cauã Reymond. Don’t cry, Alan. Estou aqui pra você. #SouDessesQueConsolam

Daniel Saullo (BBB6)

Considerado por alguns a edição mais fraca da história do programa, o BBB6 nos apresentou a beleza do tudibom Daniel Saullo, que causou na casa! As sisters Mariana e Roberta se encantaram pelo rapaz, o que gerou um climão no programa.

Apesar de ficar com Roberta durante o tempo que estiveram no programa, e de Mariana se acertar com o professor Rafael da mesma edição, quando vieram para o mundo real, Daniel e Mariana ficaram juntos e viveram um romance que havia ficado em stand by.

Fernando “Justin” (BBB7)

Diego Alemão pode ter suas fãs e vencido o BBB7, mas pra mim, o homem mais bonito da edição foi, sem dúvidas, o Fernando Justin, que arrancou suspiros dentro e fora do programa. E se na edição ele conheceu a Flavinha, com quem se casou fora da casa, nós conhecemos seu corpo escultural e carinha de sapeta. Ahaza!

Eliéser (BBB10)

No BBB10 ele foi taxado de banana, mas mesmo assim arrancou suspiros. E se para muitos o par perfeito para a linda Cacau era a doce Morango, foi Eliéser quem levou a melhor na disputa dentro da casa e fora dela (por um tempo). Bobalhão ou não, é inegável: o cara é um gato! De boca fechada, é claro!

Rodrigão (BBB11)

Falando em banana, como não citar o Rodrigão, do BBB11? Provavelmente a mais bela samambaia do reality show global, Rodrigão não disse a que veio no programa, mas arrancou suspiros apaixonados de homens e mulheres e acabou o programa com o coração da ex-miss Adriana. Pois é, nem ficou de mãos abanando, né?

Claro que a lista poderia ser ainda maior. Afinal, como não se lembrar de ex-brothers que fazem o tipo de muita gente, como Bambam (BBB1), Alemão (BBB7), Rafinha (BBB8), Emanuel (BBB9) ou Cadu (BBB10)? Ou ainda do Yuri, ainda dentro da casa com o tesão Jonas, na atual edição? Mas a lista é minha e eu escolhi cada um dos meus. Aloka!

Mas sou democrático, darlings! Os comentários estão abertos e qualquer um pode eleger o seu brother favorito de todos os tempos. Podem ahazar que eu não ligo!

Mil beijos e até a próxima,

Stanford

 Fotos: Reprodução Paparazzo e sites aleatórios da internet.

Será Que Meu Marido É?

Stanford,

Tenho chorado muito, por isso preciso de ajuda. Tenho 25 anos, sou casada com um homem de 40 há quase 4, e temos um filho de 2 anos. Antes de casar, algumas pessoas diziam que meu marido era “mulherengo” e outras diziam que era gay, pela sua forma de gesticular muito ao falar. Até eu mesma achava isso um pouco antes de namorarmos, mas como ele era divorciado e já havia casado com uma mulher, achei que não fosse. Vale ressaltar que ele disse que não transava mais nos últimos dois anos dos sete em que esteve casado com a primeira esposa.

Bem, há 2 anos que ele não me procura mais, não transamos! No início, ele ficou seis meses sem nem me procurar, nem tocar no assunto. Até que eu não aguentei mais e passei a perguntar se ele tinha uma amante ou se era gay! Ele afirmava que estava cansado, trabalhando muito…

Sou uma pessoa vaidosa, as pessoas dizem que sou bonita, vejo vários homens me olhando, se interessando por mim e só meu marido não me deseja! Depois desse questionamento, começaram as brigas, pois toda noite ele dormia no sofá, esperava eu dormir e ia para cama pé ante pé para não me acordar. Eu via tudo e chorava escondido. Eu colocava lingerie nova, comprava óleos de massagem e ele sempre dizia que não conseguia pois estava cansado. Ah, ele fez exames periódicos e não tem problemas de ereção ou qualquer outro!

Hoje ele me ameaça dizendo que, caso eu me separe, tirará meu filho de mim e fica muito nervoso quando eu digo que posso provar que ele é gay. No fundo, tenho 90% de certeza de que ele é gay e quer ficar comigo para manter a aparência. Sua família do norte não aceitaria! Várias pessoas da minha família dizem que ele é gay, e ninguém sabe do que passamos!

Estou me sentindo tão triste, vivo pelo meu filho… Abri mão da minha felicidade, da minha juventude, perdi a esperança de ainda ser feliz, pois tenho medo do meu filho ser criado por ele e pela família dele, que é toda problemática, mas é um outro caso à parte!

Precisava tanto de conselhos de alguém de fora! Por favor, parece um tanto piegas, mas me ajude!

Esposa Desconfiada

Preciso dizer que adoro um baphão desse tipo? Ai, pára, claro que não, né? Aloka! Mas, convenhamos, é um assunto espinhoso e difícil de ser tratado. O que fazer quando se descobre/desconfia que seu companheiro é gay? Como viver com essa situação, como acreditar que você não conseguiu estar à altura do seu parceiro a ponto dele procurar satisfação no mesmo sexo?

Eu adoro os e-mails e as dúvidas que recebo. Sempre me deixam pensativo e me fazem olhar para minhas próprias experiências para que, dando minha opinião, possa (ou não) ajudar aqueles que me escrevem. E tenho de agradecer à Esposa Desconfiada por essa oportunidade de falar sobre esse assunto. É tabu, mas aqui eu sou lusho e, com puro glamour toco nos mais intocáveis assuntos. #SouDesses, melbem!

Antes de tudo, vamos deixar uma coisa bem clara para a Esposa Desconfiada:

O problema não é você, darling. O problema é o seu marido! Anotou?

SEMPRE e isso é regra. Nada de entrar numa de o que você fez para seu marido se tornar gay ou algo do tipo. A realidade é que você casou com um hipócrita que, por não se conhecer e não se aceitar, preferiu ser um babaca e se meter num (segundo) casamento para se esconder de si mesmo e de seus desejos. Conheço DIVERSOS casos semelhantes de homens que, procurando ter uma vida ‘normal’, aprisionam seus sentimentos e desejos e embarcam em relacionamentos fadados à infelicidade (sua e de suas parceiras). Triste, egoísta, mas MUITO comum.

Falo por experiência própria: ser gay não é fácil. Quem, em sã consciência, escolheria viver de forma diferente da maioria, ter desejos diferentes, ser apontado como ‘aberração’ e sofrer preconceitos e discriminações? Apesar de vivermos em pleno século XXI e as novas gerações, pouco a pouco, trabalharem melhor a questão da homossexualidade (ainda bem!), não é fácil ser diferente. Nunca é. Então, não é de se estranhar que muitos homens escolham viver como seu marido, negando a si mesmos e vivendo histórias e casamentos ruins em prol de uma aceitação da sociedade.

Pelo seu email você não tem dúvidas de que ele seja gay. E, eu costumo dizer, se há fumaça, há fogo. Aliás, desculpe-me a sinceridade, mas não é normal viver dois anos sem sexo. Ou ele abstrai MUITO ou é um assexuado. Porque, my darling, sexo é humano e nossos desejos nos movem. Você tem vontade, eu tenho, o seu marido deve ter. Como extravasamos isso é o que nos diferencia.

Sobre sua situação específica, é bem delicada. Pelo que me parece, seu casamento é um inferno. O que você prefere: criar um filho num casamento de mentira, apenas por aparência, ou correr atrás da felicidade de ambos?

Esse papinho de que se vocês se separarem ele tirará o filho de vocês é balela de homem com medo de enfrentar a realidade. Sinceramente acho que o que ele mais deseja é que você tome a iniciativa e acabe com esse casamento. E se não for assim, me diga, que juiz hoje em dia cairia nessa conversinha fiada de homem que quer roubar a guarda do filho da mulher?

Meu conselho é que você avalie onde reside a sua felicidade. Eu já disse: a culpa não é sua. O ‘problema’ está na hipocrisia do seu marido e na sua ingenuidade de não ter ouvido seus instintos e casado com um provável gay.

Aliás, deixo um conselho para a maioria das mulheres: vocês quase nunca erram quando acham que um homem é gay. Brinco com minhas amigas dizendo que quase todas as mulheres são equipadas com um gaydar, o radar que apita quando um homem é gay. O que vocês devem fazer é dar ouvidos a esse radar. Porque, sinto lhe dizer, não é possível ‘converter’ um gay em hétero. Ele pode se relacionar com mulheres, ele pode se casar com uma, mas o desejo por homem vai continuar nele. E nossos desejos são nossos maiores monstros e uma hora precisam ser alimentados. Então, por maior que seja o seu ego e a vontade de ficar com um gay, avalie: vale a pena lutar por uma batalha perdida?

E a você, querida Esposa Desconfiada, desejo sorte e coragem. Para colocar as verdades na mesa e correr atrás da sua felicidade. É a felicidade quem deve nos mover. Viver aprisionado num casamento de conveniência não é o ideal de ninguém e nem deve ser o seu. Boa sorte!

Um beijo terno e carinhoso,

Stanford

Tire você também as suas dúvidas com o Stanford! Envie seu email para blogdostanford@gmail.com e aguarda! Logo, logo a sua dúvida pode ser respondida por aqui.

TOP Músicas Viciantes

Aiiin, gente, confesso: sou todo trabalhado em ouvir uma música mil vezes. Eu atóóóóóron decorar a letra e ficar por ai cantarolando uma música que eu goste muito. #SouDesses E vez por outra surge uma música que é tão viciante, que você simplesmente não consegue parar de cantar.

Como hoje é segunda-feira e eu sei que tá todo mundo trabalhado na preguiça, com Síndrome de Garfield total, nada melhor do que começar a semana com música, com cinco músicas que não tem saído da minha cabeça por esses dias.

(Eu aproveito e ouço a música mais uma vez e ainda vicio vocês nas minhas manias, hihihi)

Colorir Papel

A música do Jamil entrou pra trilha da novela Fina Estampa e eu TENHO de decorar essa letra porque fico cantando e inventando as partes que não sei. Aloka! E como vou muito a praia, acho que a canção tem tudo a ver com o fim do dia!

Moves Like Jagger

A “nova” música do Maroon 5, do delicinha Adam Levine, é daquelas que grudam na nossa cabeça e ainda nos fazem dançar a todo momento, nos fazendo mexer que nem o Mike Jagger. Ahaza no rebolado aí, darling!

Balada Boa

Se eu falar que eu nem sei quem é Gusttavo Lima vocês vão me bater? Aloka! Mas é verdade… Se bem que, apesar de não conhecer o cantor, ouvi tanto esse refrão “tche tche rerê, tche tche rerê” que ele não sai mais da minha cabeça.

We Found Love

Rihanna tem essa capacidade de fazer esas músicas que nos pegam de jeito e não nos largam mais (vide Umbrella e Please, Don’t Stop the Music, né?). Mas confesso: viciei nessa música graças a versão de Glee, que ficou muito lindinha!

If I Catch You

Podem me xingar, mas era impossível essa música não entrar na lista. Que atire a primeira pedra quem nunca fez a dancinha da coreografia cantando a letra viciante. Mas como tudo que é demais enjoa, optei pela versão em inglês pra vocês. Ahaza e vamos treinar o idioma. Aloka!

E agora, todo mundo viciado nas músicas que não saem da minha cabeça? Viram como sou bonzinho em dividir? *_*

Uma ótima semana para nós.

Mil beijos,

Stanford

Futilidades de Sexta [8]

Sexta-feira, final de semana dando as caras e nós aqui, todos trabalhados em comentar a vida alheia. Ahaza! E como não temos tempo a perder, vamos à pauta?

  • Dakota Cochrane

Uma das “polêmicas” da semana residiu na revelação do nome de Dakota Cochrane como um dos participantes da edição de número 15 do reality show americano The Ultimate Fighter, que, pra quem não sabe, nada mais é do que um reality que acompanha um grupo de lutadores de MMA, aquele esporte de um bando de homem seminus e se agarrando, em busca do estrelato.

Dakota Cochrane, todo trabalhado no ataque no MMA

Só que Dakota já é conhecido do público gay, já que fez uma série de filmes pornográficos antes de entrar para o MMA com o nome de Danny. E eu pergunto: e daí, darlings? Se o menino gostava de se exibir com outros meninos antes do esporte, o que interessa nesse momento?

Danny em "ação". Antes do MMA, é claro!

Até o momento, Danny Boy Dakota possui 11 vitórias e 2 derrotas em sua carreira e está confirmado no The Ultimate Fighter 15, que estreia nos EUA no dia 09 de março. E euzinho aqui assino embaixo das palavras de Dana White, presidente do UFC, sobre o assunto:

“Se algum lutador do UFC é homossexual, o ideal é que saia do armário. Não me importo nem um pouco se tem um lutador gay no UFC. Dá um tempo, né? Estamos em 2012.”

#Curti e aplaudo, darlings!

  • George Clooney

Numa entrevista para a revista The Advocate o tesudo tudo de bom George Clooney comentou os boatos de que ele seria gay e ahazou na declaração. Eu, e acho que muita gente há de concordar, homem que é homem é quem sabe se impor e não precisa provar nada pra ninguém. Igual ao George Clooney. Confiram partes da declaração do ator, darlings:

“Acho engraçado. Mas a última coisa que você me verá fazendo e sair por aí dizendo: ‘É mentira!’. Isso seria injusto e grosseiro com os meus bons amigos da comunidade gay. Não vou deixar ninguém fazer parecer que ser gay é uma coisa ruim. (…) A quem incomoda o fato de alguém ser gay? Eu estarei morto há muito tempo e as pessoas continuarão dizendo que eu era gay. Não me importo. Minha vida particular é particular, e estou muito feliz com ela. Você vive sua vida bem, trata as pessoas bem e espera que ninguém invente histórias sobre você, mas elas inventam de qualquer forma.”

George Clooney, um homem com H. Alguém duvida? Beijos pro astro, aloka!

  • Angelina Jolie

Eu acabei esquecendo de citá-la no post sobre os melhores e piores vestidos do Oscar 2012 e quase fui apedrejado, aloka! Então, como eu também curti o vestido da Sra. Brad Pitt (que poderia estar vestindo o Brad, ahaza), o trouxe para essa edição do #FutilidadeFeelings.

Entretanto, mais que o vestido, eu tive de reparar: como está magra essa mulher, não? Medo dessas mulheres cadavéricas. #CurvasSãoLindas

  • Luciana Gimenez

Só algo a declarar pra Luciana Gimenez e sua pose de yoga: eu, heim! Isso pra mim é quase uma auto-masturbação. Aloka! Mas, calei-me, porque eu vejo alguém divulgando esse tipo de imagem e só penso merda. Ahaza!

  • Rio de Janeiro

Pra mim, a celebridade da semana! O meu amado, idolatrado, salve, salve, Rio de Janeiro acabou de completar no dia 01 de março os seus 447 anos, enxutíssimo, com corpinho de 27, melbem!

Com seus problemas, como toda grande cidade, e suas paisagens deslumbrantes, o Rio conquista cariocas nascidos aqui e os que adotam a cidade como sua. Não tem como não comemorar algumas das mudanças visíveis na cidade e desejar que ela continue sempre de braços abertos, tal qual o Cristo que nos abençoa todos os dias, para todos nós.

Rio de Janeiro, parabéns!

E vou ficando por aqui. Afinal, os dias de verão estão quentes e lindos e a praia chama por mim, darlings! Nos vemos na segunda.

Mil beijos,

Stanford